terça-feira, 15 de setembro de 2009

NEGADO


Machuca demais quem
só te deu amor
Cansei..
doi Muito em mim
Tanto desamor
Você que quis assim
Não adianta mais falar
Sinto muito ...
Mas voce não vai mudar
Lamento....
agora sou Eu que estou mudando
Pisou sempre em quem te amou
Tanta indiferença
Mecheu com minha felicidade
Tarde demais
Se te encontrar por ai
Segurarei a minha dor
Não adianta eu esconder
Um dia te amei demais
Ladrão

2 comentários:

Anônimo disse...

Halhal to querendo saber quem é o perdonagem dessa poesia desconfio q não sou eu...rs

EL W@LO disse...

YA SOY TU SEGUIDOR, ESPERO QUE TAMBIÉN SIGAS MI BLOG. UN ABRAZO!!!